Textos

Harpa
HARPA
A harpa plangia augusta
maviosas ondulações sonoras
penduradas nas asas
do tempo,
balouçando claves,
tons e semitons
envolvendo a alma
do passante desprevenido
do amante
embevecido.
Apenas música.
Anchieta Antunes – D. Reservados
Gravatá- PE – 11/03/2014.
Anchieta Antunes
Enviado por Anchieta Antunes em 10/04/2015


Comentários


Imagem de cabeçalho: raneko/flickr